Alta velocidade e curvas cegas desafiam pilotos no Rally de Curitiba

A prova, que neste ano marca a 30ª edição do Rally da Graciosa – uma das mais tradicionais e desafiadoras provas do calendário off road brasileiro -, é válida como a segunda etapa da temporada 2010 do Intercontinental Rally Championship (IRC), evento disputado em 12 provas, dez na Europa e as outras no Brasil e na Argentina. Além dos brasileiros, participam do Rally de Curitiba pilotos e navegadores vindos da Grã-Bretanha, Finlândia, República Tcheca, Portugal, Bolívia, Paraguai e Argentina.

Com um percurso total de 493,26 km, dos quais 219,3 são de trechos cronometrados, divididos em 15 especiais, a rota do Rally de Curitiba alterna trechos de altíssima velocidade e curvas bastante acentuadas. 

Depois de enfrentar pela primeira vez o gelo e a neve do Rally de Monte Carlo, prova que abriu a temporada do IRC, o baiano Daniel Oliveira (GDK/Stohl Racing) – que estreia este ano no campeonato e é o primeiro brasileiro a disputar a toda a temporada da competição – prevê um fim de semana de muito trabalho no Paraná, por conta das condições da pista observadas durante o levantamento.

“É um traçado bem difícil, com chão de terra batida, que mistura trechos de alta velocidade, onde alcançamos até 180 km/h, e curvas cegas, nas quais entramos sem saber o que nos espera até sairmos delas”, afirmou. “Como algumas são muito fechadas, temos que confiar muito no equipamento, prender a respiração e nos jogar para dentro, fazendo o carro escorregar de lado na medida certa, para não perder velocidade e nem tempo com a derrapagem”, revelou o piloto de 24 anos.

Oliveira disputa o IRC ao volante de um Peugeot 207 S2000, inscrito na categoria N4 – a mais forte do rali, destinada a veículos de 1.601 cm³ a 2.000 cm³ de cilindrada, com turbo e tração nas quatro rodas -, preparado pela equipe suíça Stohl Racing. Mais uma vez, o jovem piloto terá ao seu lado o experientíssimo navegador francês Dennis Giraudet, de 54 anos, que tem seis vitórias no WRC (World Rally Championship) e já formou duplas com Carlos Sainz e Didier Auriol, entre outros grandes campeões do rali mundial.

A programação do Rally de Curitiba 2010 prossegue nesta quinta-feira (4), com as sessão de shakedown (primeiros treinos realizados com os carros de competição), seguido largada promocional da prova, na região conhecida como Boca Maldita, no centro de Curitiba, e pela disputa do prólogo, treino classificatório que define a ordem de largada oficial do rali.

Na sexta-feira (5), as competições têm início às 8:30 da manhã, com a sequência de sete especiais, que têm término previsto para as 15:15 hs. No sábado (6), serão mais sete especiais e mais o Super Prime, última especial do rali, realizada em um circuito fechado especialmente preparado dentro da área do Autódromo Internacional de Curitiba, onde 15 mil pessoas poderão acompanhar a final eletrizante da competição, a partir das 14:20 hs.

PROGRAMAÇÃO 

Segunda-feira (1) 
08h00 – 18h00 Reconhecimento das especiais do primeiro dia (LEG01)

Terça-feira (2) 
08h00 – 18h00 Reconhecimento das especiais do segundo dia (LEG02)

Quarta-feira (3) 
08h00 – 10h00 Shakedown
10h30 – 13h00 Reconhecimento da pista do Prólogo e Super Prime

Quinta-feira (4) 
10h00 – 11h00 Shakedown
14h30 Largada Promocional (Boca Maldita)
15h30 Prólogo, 3.38km

Sexta-feira (5) 
08h30 SS1, Campo Magro, 18.85 km
08h55 SS2, Ouro Fino, 9.58 km
10h05 SS3, Curitiba, 12.58 km
10h45 SS4, Campo Magro, 18.85 km
12h40 SS5, Curitiba, 12.58 km
14h50 SS6, Campo Magro, 18.85 km
15h15 SS7, Ouro Fino, 9.58 km

Sábado (6) 
07h30 SS8, Bocaiuva, 28.05 km
08h30 SS9, Rio Pesqueiro, 15.06 km
09h20 SS10, Quatro Barras, 12.02 km
10h10, SS11, Nobre, 10.14 km
11h50, SS12, Rio Pesqueiro, 15.06 km
13h05, SS13, Quatro Barras, 12.02 km
13h45, SS14, Campina, 22.78 km
14h20, SS15, Super Prime Pinhais, 3.38 km

IRC – CLASSIFICAÇÃO APÓS a 1ª ETAPA

1) Mikko Hirvonen (FIN), 10 pontos 
2) Juho Hanninen (FIN), 8 
3) Nicolas Vouilloz (FRA), 6
4) Stephane Sarrazin (FRA), 5
5) Jan Kopecky (CZE), 4
6) Guy Wilks (GBR), 3
7) Bruno Magalhaes (POR), 2
8) Jean-Sebastien Vigion (FRA), 1

Deixe uma resposta

Pin It on Pinterest