Cesar Ramos é o quarto colocado em Monza e sobe ao pódio entre os estreantes

Depois da conquista da pole no sábado (dia 14) e de ter sido prejudicado por um toque na corrida, o brasileiro Cesar Ramos contou com mais sorte neste domingo (15) na última prova da rodada dupla da World Series by Renault, em Monza, na Itália. Largando em nono lugar, o estreante da Fortec Motorsport cruzou a linha de chegada na quarta colocação. Ramos também foi o segundo entre os estreantes e subiu ao pódio da categoria.

A vitória neste domingo ficou com o australiano Daniel Ricciardo, piloto de testes da equipe Toro Rosso de Fórmula 1 e que corre pela ISR na World Series. O BandSports transmitirá VT da corrida às 18 horas.

“Foi muito bom. Larguei bem e já ganhei algumas posições. Depois de chegar em quarto, o desgaste dos pneus já era grande e não deu para chegar no terceiro colocado. Preferi então me manter em quarto e terminar, porque era muito importante marcar esses pontos”, explicou o gaúcho, de 21 anos, que soma agora 24 pontos na classificação.

“Pena tudo o que aconteceu ontem. Larguei na pole e levei um toque do (Robert) Wickens, que acabou com as minhas chances. Meu motor ainda aqueceu e tive de trocar para a segunda classificação. Não deu para repetir a pole, mas foi bom largar em nono e chegar em quarto”, continuou.

Ramos disputará a próxima etapa em Mônaco, no dia 28. A categoria fará a preliminar da Fórmula 1 e será uma excelente oportunidade para esses jovens talentos mostrarem seus potenciais.

“Vai ser um final de semana diferente. Com pouco tempo de treino, a tomada e só uma corrida. Mas estou animado. Sem dúvida, é um sonho correr em Mônaco e vamos trabalhar para tentar sair de lá com um bom resultado”, completou Ramos, que no ano passado ganhou um teste com a equipe Ferrari de F-1, após a conquista do título da F-3 Italiana.

Considerada um dos últimos degraus para a F-1, a World Series by Renault utiliza chassis Dallara e motor Renault V6 de 480 cavalos de potência em seus carros. A categoria já revelou feras como o atual campeão da F-1, Sebastian Vettel, e o polonês Robert Kubica.

Resultado da 2ª prova em Monza:

1 – Daniel Ricciardo – ISR – 28 voltas 2 – Alexander Rossi – Fortec – 2s545 3 – Jean Eric Vergne – Carlin – 9s492 4 – Cesar Ramos – Fortec – 11s161 5 – Albert Costa – Epic – 11s508 6 – Chris Van der Drift – Mofaz – 20s918 7 – Nelson Panciatici – KMP – 21s284 8 – Sergio Canamasas – BVM Target – 22s129 9 – Arthur Pic – Tech 1 – 22s180 10 – Andre Negrao – Draco – 24s735 11 – Oliver Webb – Pons – 28s614 12 – Jan Charouz – Charouz Gravity – 34s134 13 – Walter Grubmuller – P1 – 39s030 14 – Daniel De Jong – Comtec – 39s391 15 – Stephane Richelmi – Draco – 40s351 16 – Jake Rosenzweig – Mofaz – 41s929 17 – Daniel Zampieri – BVM Target – 43s292 18 – Filip Salaquarda – Pons – 48s199 19 – Anton Nebilitskiy – KMP – 51s139

Abandonaram 24ª volta – Daniel McKenzie 7ª volta – Robert Wickens 2ª volta – Brendon Hartley 2ª volta – Sten Pentus 2ª volta – Kevin Korjus 0 volta – Daniil Move 0 volta – Nathanael Berthon

Veja a classificação do campeonato após seis provas:

1. Jean Eric VERGNE 90 2. Alexander ROSSI 73 3. Robert WICKENS 71 4. Albert COSTA 62 5. Kevin KORJUS 50 6. Chris VAN DER DRIFT 39 7. Daniel Ricciardo 36 8. Daniil MOVE 33 9. Nelson PANCIATICI 32 10. Brendon HARTLEY 26 11. Cesar RAMOS 24 12. Walter GRUBMULLER 18 13. Daniel ZAMPIERI 14 14. Anton NEBYLITSKIY 8 15. Sergio CANAMASAS 7 16. Stephane RICHELMI 6 17. Nathanael BERTHON 4 18. Jan CHAROUZ 4 19. Andre NEGRAO 4 20. Oliver WEBB 2 21. Arthur PIC 2 22. Sten PENTUS 1

Fernanda Gonçalves/André Stepan

Deixe uma resposta

Pin It on Pinterest