Com festa lama e muito 4×4 Mitsubishi Motorsports encerra a temporada no interior de São Paulo

Com festa, lama e muito 4×4, Mitsubishi Motorsports encerra a temporada no interior de São Paulo

Ribeirão Preto recebeu a última etapa e reuniu centenas de apaixonados da Nação 4×4 em um dia de muito calor pelas belas paisagens da região

A última etapa do Mitsubishi Motorsports Sudeste teve todos os elementos que os apaixonados da Nação 4×4 adoram: terra, lama, sol, chuva, poeira e, claro, muita aventura pelas trilhas off-road de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo.

Foram mais de 150 quilômetros para as categorias Graduados, Turismo e Turismo Light, em meio a muita poeira na típica terra roxa da região que, com a chuva no meio da manhã, trouxe ainda mais emoção e muita lama. Depois de muita aventura pelas trilhas 4×4, os participantes foram brindados com o show dos Titãs, que encerrou com chave de ouro a temporada 2012.

Os amigos Marcus Martins de Oliveira e Danillo Arruga Bertolotti, de São Paulo, vieram pela segunda vez com sua Pajero TR4 mas, desta vez, trouxeram o chefe, Bruno Pinheiro, de Zequinha. “É uma oportunidade de fazer algo diferente. Como nunca fiz nada do gênero, quis vir para conhecer e, na próxima, entro com meu carro”, garantiu Bruno. Com a segunda participação, Marcus estava bastante confiante. “Participamos da etapa de São Pedro e gostamos bastante. Agora já estamos mais experientes. As conversas no escritório começaram há quase dois meses e nossa equipe está toda mobilizada. A segunda-feira será para contarmos tudo e motivar mais gente pra vir. Já trabalhamos em equipe e isso ajuda bastante na prova”, comentou o piloto.

A prova em Ribeirão Preto percorreu estradas de fazenda, canaviais e regiões com muitos eucaliptos. Em um dos trechos da prova, as duplas tiveram a oportunidade de percorrer o mesmo traçado que é utilizado na Mitsubishi Cup, rali de velocidade cross-country da marca.

O casal Daniele e Carlos Henrique Von Zuben, de Valinhos (SP), sempre gostou de fazer trilhas com sua L200 Triton, mas nunca tinham participado de um rali. Para a prova de Ribeirão Preto, combinaram que ela iria pilotar e ele navegar. “Assim brigamos menos”, disse Carlos, aos risos. “A verdade é que ela dirige muito bem e sou mais organizado, mas é a primeira vez que competimos com essa configuração”, completa ele.

João Olices Wielewski Jr e Cyrus Muchalski saíram de longe para faturar a primeira colocação na categoria Turismo Light. “Atingimos nosso objetivo. Viajamos quase 800 quilômetros de São Bento do Sul (SC) até aqui e vamos embora muito contentes e gratificados”, comemora João. “A chuva chegou e transformou a prova no melhor rali que já fizemos até hoje”, completa.

Com a vitória em Ribeirão e o vice na temporada na categoria Turismo, Erico Padovan Ferrareze e Johnny Alves da Silva já fazem planos para a prova de 2013. “Nosso primeiro objetivo será adquirirmos um Pajero Full. Será um tempo de adaptação na nova categoria, a Graduados. Teremos que aprender muito como fazer para depois, quem sabe, disputar um primeiro lugar”, alerta o precavido Johnny.

Campeões do ano A disputa na categoria Graduados era a mais acirrada. Apenas um ponto separava Ricardo Molica e Alexandre Martinez, de Taubaté (SP), e Luis Roberto Eckel e Luis Felipe Eckel, de São Bento do Sul (SC). Em uma prova emocionante, melhor para Ricardo e Alexandre, que conquistaram o título e ganharam uma incrível viagem para a Jordânia. “É um prêmio maravilhoso, uma viagem para um lugar lindo”, comemora Ricardo. “Agora é pensar no ano que vem, viajar, e vir com tudo para tentarmos conquistar o bicampeonato”, disse Alexandre.

Na categoria Turismo, os irmãos de Mogi das Cruzes, Celso Watashi e Helio Watashi, abriram uma boa vantagem durante o ano e confirmaram o título do campeonato. “Agora estamos ansiosos para mudar para a categoria Graduados. Vai ser um ano para aprender. Sabemos que a competição será muito mais difícil”, prevê Celso. “Mas a sensação é de missão cumprida. Não é fácil viajar para todas as etapas e fechar o ano em primeiro lugar é uma sensação indescritível”, conclui.

A premiação do campeonato foi feita pelo piloto japonês Hiroshi Masuoka. Com um Pajero Full, ele conquistou dois títulos no Rally Dakar, considerada a maior e mais difícil prova off-road do planeta, além de ter vencido as mais importantes competições automobilísticas ao redor do mundo. Muito receptivo e solícito, Masuoka veio ao Brasil para prestigiar o Mitsubishi Motorsports e ficou encantando com a prova e com a alegria dos brasileiros.

Mitsubishi Pró Brasil A Mitsubishi Motors, mais uma vez, realizou a ação social Mitsubishi Pró Brasil. Na última etapa da temporada, foram arrecadadas cerca de onze toneladas de alimentos, entregues para ao Lar Francisco de Assis, Grupo de Assistência a Criança com Câncer (GACC) e Fundo de Solidariedade de Ribeirão Preto. Ao final de mais uma temporada dos ralis Mitsubishi, já são quase 900 toneladas de alimentos entregues a centenas de entidades.

O Mitsubishi Motorsports Sudeste tem patrocínio de Castrol, Itaú, Gol, Clarion, W.Truffi Blindados, Mit Financiamentos, Estapar, Mangels, MVC Artecola, Farmais, Automotiva Usiminas, Transzero, Unirios, Seara, Pirelli, Redecard, Dupont, Consórcio Embracon, Daslu Homem e Artfix.

Vídeo release Acesse o site abaixo para fazer o download do vídeo release do Mitsubishi Motorsports. http://www.santaedit.tv.br Login: release_mitsubishimotorsports Senha: mitralis

Campeões da temporada 2012 – Mitsubishi Motorsports Nordeste

Categoria Graduados 1) Ricardo Molica E Santos / Alexandre Martinez (Taubaté) – 124 2) Luis Roberto Eckel / Luis Felipe Eckel (São Bento do Sul / SC) – 112 pontos 3) Otavio Enz Marreco / Allan Enz (Apucarana / PR) – 95 pontos 4) Alfredo Turcatto / Camilo Turcatto (São Paulo / SP) – 93 pontos 5) Hamilton dos Santos Medeiros / Rafain Walendowsky (Brusque / SC) – 93 pontos

Categoria Turismo 1) Celso Watashi / Helio Watashi (Mogi das Cruzes / SP) – 122 pontos 2) Erico Padovan Ferrareze / Johnny Alves da Silva (Cotia / SP) – 113 pontos 3) Jurandir do Amaral Junior / Andrea Palma do Amaral (Bragança Paulista / SP) – 101 pontos 4) Camilo Martins / Loraine Tavares Lima (Conceição de Macabu / RJ) – 110 pontos 5) Ariadne Ingrid Aldins Bukvar / Marcele Hayane Aldins Bukvar (Tupã / SP) – 99 pontos

Resultados – 7ª etapa – Ribeirão Preto (SP)

Categoria Graduados 1) Ricardo Molica E Santos / Alexandre Martinez (Taubaté) – 28 pontos 2) Ernesto Masamitsu Kabashima / Luiz Durval Brenelli de Paiva (São Paulo) – 22 pontos 3) Alfredo Turcatto / Camilo Turcatto (São Paulo) – 21 pontos 4) Daniel Krabbe / Marcello Ladeira – 18 pontos 5) Rone Branco / Marcos Maia Panstein (Curitiba) – 17 pontos

Categoria Turismo 1) Erico Padovan Ferrareze / Johnny Alves da Silva (Cotia) – 27 pontos 2) Ariadne Ingrid Aldins Bukvar / Marcele Hayane Aldins Bukvar (Tupã) – 24 pontos 3) Fernando Luis Possetti / Cristina Starling Possetti (Ribeirão Preto) – 20 pontos 4) Celio Mauro de Souza Fonseca / Matheus Ribeiro Fonseca (Pouso Alegre) – 17 pontos 5) Renato Augusto de Mendonça / Daniel Martins de Mendonça (Belo Horizonte) – 15 pontos

Categoria Turismo Light 1) Joao Olices Wielewski Jr / Cyrus Muchalski (São Bento do Sul) – 382 pontos 2) Erik Fernades Brito / João Otavio Goulart – 448 pontos 3) Marques Ivan Assuncao Moreno / David Lan Kwai Pan (Belo Horizonte) – 547 pontos 4) Fernando Watacabe / Luis Lapo (São Paulo) – 570 pontos 5) Jorge Chaguri Filho / Marco Antonio Milanez (São Paulo) – 690 pontos

Deixe uma resposta

Pin It on Pinterest