Equipe Astrus In Heaven terá mais uma dupla no Gaúcho de Rali

O ano de 2014 será um pouco diferente para a equipe Astrus In Heaven.
Esta temporada a equipe contará com mais uma dupla na disputa do
Campeonato Gaúcho de Rali de Velocidade. Carminatti e Robson Giacomel,
bicampeões na categoria RC5, agora migram para a RC4, mais potente.

Na RC5, uma das categorias de entrada do rali de velocidade, vai
estrear a dupla Ricardo Oro e Leonardo Dalla Rosa. Eles já andaram a
etapa de Erechim em 2013. Mas agora a meta é fazer toda a temporada do
Gaúcho. Além disso, a equipe terá na pista os dois GM Celtas que já
foram da equipe oficial da GM em temporadas passadas.

E a primeira corrida do ano acontece neste sábado, dia 26, na cidade
de Severiano de Almeida. “Nosso objetivo será conhecer o comportamento
do carro, buscar entrosamento piloto-navegador, conhecer os mecanismos
e dinâmica das provas, principalmente no que diz respeito ao
levantamento das especiais. Pelo que nos passaram a etapa de
Severiano é bastante técnica e iremos com cautela para terminá-la”,
destaca Ricardo Oro.

Esta será a primeira vez que eles vão andar na etapa de Severiano de
Almeida. Para se adaptar ao GM Celta, a dupla fez o Training Day, em
Áurea, no último mês. “Andamos com o carro somente neste treino. Ainda
temos bastante a melhorar no carro. Nesta etapa vamos analisar o
comportamento do Celta, para realizar os ajustes necessários,
principalmente de suspensão”, explica o piloto.

Ricardo salienta que a meta este ano é buscar bons desempenhos,
finalizando todas as etapas. “Projetamos participar de todas as etapas
do Campeonato Gaúcho de Rali. Com a equipe composta de dois carros e
no outro lado temos o Carminatti e Robson como boa experiência, iremos
tentar diminuir esse tempo para avançar e poder disputar boas
colocações. Eles estão nos ajudando muito nesse sentido. A equipe
também está com um bom apoio mecânico que irá nos ajudar a terminar as
etapas sem termos imprevistos”, salienta.

E o piloto acrescenta: “Neste ano não temos a pretensão em brigar por
primeiras colocações, nossa idéia é aprender. Conheço outros esportes
automotor, já tive experiências em pista, mas o rali é uma modalidade
bastante técnica, completa e difícil, e temos ainda a interação com o
navegador que acaba se tornando os olhos do piloto”, conclui Ricardo.

A corrida

O sábado, dia 26 de abril, começa com os competidores fazendo o
reconhecimento das especiais na prova de Severiano de Almeida. A
corrida larga às 12h. Mais informações sobre a prova, como mapa das
especiais, podem ser encontradas no site oficial do Campeonato, no
endereço www.rallyvelocidaders.com.br.

Edson Castro
Gestor de Conteúdo
Prime Comunicação – Assessoria de Imprensa Astrus In Heaven

Pin It on Pinterest